Notícias do Litoral

 Padre de Paranaguá que voava de balões desaparece no litoral catarinense - 21/04/2008

   Equipes do Corpo de Bombeiros começaram, na noite deste domingo (20), as buscas pelo padre Adelir de Carli, que tentava bater um recorde voando pendurado em balões de festa. Ele partiu pela manhã de Paranaguá, no Litoral paranaense, com o objetivo de ficar 20 horas no céu. O mau tempo, no entanto, o teria levado em direção ao mar, causado a queda dos balões perto de São Francisco do Sul.

   Pouco antes da queda, equipes de resgate fizeram contato, via celular, com Adelir, que chegou a ficar a mais de 50 Km da costa. Barcos da Capitania dos Portos vasculhavam o Litoral Norte de Santa Catarina, mas um deles voltou por volta das 23h30, por causa do mau tempo e do mar agitado.

   Não foi a primeira vez que Adelir de Carli voa usando balões de festa gigantes para promover a fé. O vôo anterior ao do Litoral foi em 13 de janeiro, quando saiu na cidade de Ampére, no Paraná, e depois de 4h15 de vôo, pousou em San Antônio, já em território argentino — a 110 quilômetros de onde partiu.  Padre Adelir voa para promover as ações da pastoral rodoviária, que faz missas nas estradas e dá apoio espiritual aos motoristas.

   Os balões usados pelo Padre Adelir são enchidos com gás hélio, o mesmo usado em bexigas. Um por um, os balões foram sendo amarrados em cordas. Para se aproximar do chão e pousar, o padre usa um estilete: foi furando e soltando uma parte dos balões. Na última viagem do padre, os balões atingiram 5,3 mil metros de altitude. Ele usa roupa térmica e capacete. A parte mais difícil foi calcular a quantidade necessária de balões pra tirar do chão, o padre e todo o equipamento necessário. A conta partiu de uma observação bem simples: cada balão é capaz de erguer mais ou menos meio quilo. Como padre e equipamento pesam duzentos quilos, para decolar, com folga, foram usados 500 balões.

Vídeo do YouTube pode condenar Prefeito de Paranaguá - 30/03/08

Photobucket

   Um vídeo amador divulgado no site Youtube está dando dor-de-cabeça para o prefeito de Paranaguá José Baka Filho (PDT). O material, postado de forma anônima, mostra o que seria um caminhão da SP Alimentos, empresa responsável pelo fornecimento da merenda escolar do município, descarregando caixas fechadas, supostamente de alimentos, na casa do prefeito parnanguara no dia 18 de março, às 15h30.

   A primeira-dama de Paranaguá e presidente da Provopar, Josane Baka, informou que o conteúdo das caixas em questão seriam doações de ovos de Páscoa, que foram distribuidas entre crianças carentes da cidade litorânea. Ela disse ainda que as caixas foram deixadas na casa do prefeito por questões de segurança, uma vez que, de acordo com Josane, a sede da Provopar foi assaltada recentemente. 

   O vídeo conta com mais de 1900 acessos e há alguns comentários feito por usuários do referido site. O link para o vídeo encontra-se nesse endereço: http://br.youtube.com/watch?v=x_7-MI-Zk70.

   Diante das acusações um outro vídeo foi postado no Youtube confirmando a versão da primeira dama. Nele aparece imagens de dentro da residência do prefeito com as referidas caixas e depois voluntários fazendo a entrega dos ovos de páscoa. O link do segundo vídeo é o: http://www.youtube.com/watch?v=mZinYFLPDYo .

   Independente de vídeos contra ou a favor, agora a Câmara Municipal de Paranaguá exige explicações por parte do prefeito. 

   Agora imagine você, se este prefeito já consegue subornar a empresa que faz o fornecimento da merenda escolar do seu município, imagina um prefeito que fosse dono desta empresa! É através de fatos como estes, que podemos começar a ver como seria o futuro de Matinhos, caso um certo empresário do ramo alimentício viesse à administrar a nossa cidade.

Projeto Paixão de Cristo volta a emocionar o público - 30/03/08

Photobucket

   A comunidade de Caieiras (Guaratuba), novamente emocionou o grande público que esteve presente na apresentação do projeto Paixão de Cristo, que aconteceu na última sexta-feira santa. Superando todas as expectativas, o espetáculo que comemorou os 10 anos de atividade, contou com a participação direta de 150 integrantes, que encenaram passagens bíblicas da vida de Jesus Cristo, culminando com sua paixão, morte e ressurreição.

   Com uma estrutura patrocinada pela Prefeitura Municipal de Guaratuba, o público pode inserir-se de forma participativa nas cenas, e emocionar-se com o realismo das mesmas, tendo como destaque o batismo de Jesus, a Flagelação, o enforcamento de Judas Iscariotes, a crucificação e Ressurreição de Cristo seguida de uma grande queima de fogos.

   Para a realização deste evento, toda comunidade foi mobilizada, onde crianças, jovens e adultos, se uniram com um mesmo objetivo: “mostrar que com união e seriedade qualquer objetivo pode ser alcançado”.

   Segundo Fabiano Cecílio da Silva, idealizador e coordenador do projeto, o diferencial sa equipe sempre foi e sempre será o envolvimento de toda comunidade, não só os que atuam, mas também todos aqueles que ficam por trás das cortinas organizando o evento. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: